TSE manda soltar Garotinho - Gilmar Mendes alfineta Juiz

Decisão inclui o fim do monitoramento por tornozeleira eletrônica

27/09/2017 17h26

TSE manda soltar Garotinho - Gilmar Mendes alfineta Juiz


Em decisão proferida hoje, o TSE decidiu pelo fim da prisão domiciliar do ex-governador do Rio Anthony Garotinho. Na mesma decisão, Garotinho ficou desobrigado de usar tornozeleira eletrônica.

O ex-governador foi detido durante seu programa na rádio Tupi, sendo substituído por um locutor. Na ocasião, o locutor disse no ar que Garotinho tinha ido embora para casa por problemas com a voz.


Ao votar pelo fim da prisão domiciliar do ex-governador Anthony Garotinho, o presidente do Tribunal Superior Eleitoral, Gilmar Mendes, foi bastante incisivo.

Mendes bateu forte no juiz Ralph Manhães, da 100ª Zona Eleitoral de Campos dos Goytacazes, que decretou a prisão do ex-governador.

“Se não conhece esta matéria, vai pra casa” e “não aplique o Direito Constitucional da Malandragem” foram algumas das frases proferidas por Gilmar.

Comentários

Últimas notícias

 

Página 1 de 9