Interior reduz homicídios e todos os crimes contra o patrimônio

As diminuições dos indicadores aconteceram em setembro; as taxas de homicídios e de vítimas desse tipo de crime são as menores desde 2001

16/10/2017 18h35 - Por: SSP-SP

Interior reduz homicídios e todos os crimes contra o patrimônio

O interior do Estado de São Paulo terminou o mês de setembro com queda nos indicadores de casos e vítimas de homicídios dolosos e latrocínios, além de redução em todos os crimes contra o patrimônio.

A região apresentou queda de 1,96% nas ocorrências de homicídio em setembro. O número de casos passou de 153 para 150, ou seja, três a menos.

Já o indicador de vítimas de mortes intencionais diminuiu 2,55%, com 153 vítimas contabilizadas – quatro a menos que no mesmo período do ano passado, quando houve 157 vítimas de homicídio doloso.

Com as variações, as taxas de homicídios chegaram a 7,96 casos e 8,41 vítimas a cada grupo de 100 mil habitantes – nos últimos 12 meses, de outubro de 2016 a setembro deste ano. Ambas são as menores da série histórica.

Em setembro, também houve recuo de 42,86% nos indicadores de casos e de vítimas de latrocínio. Os dois totais diminuíram de sete para quatro, na comparação com o mesmo mês do ano passado. Três vidas foram poupadas. Os totais dos dois indicadores são os menores da série histórica.

Levando em consideração ainda o nono mês do ano, o interior não registrou casos de extorsão mediante sequestro, assim como em setembro de 2015 e 2016.

Os estupros tiveram aumento de 1,52%. O total passou de 527 para 535 boletins de ocorrências dessa natureza.

Crimes contra o patrimônio

Os roubos em geral apresentaram diminuição de 22,53% em setembro. O total baixou de 7.262 para 5.626 no período. Foram 1.636 ocorrências a menos. O total de casos é o menor desde setembro de 2012.



Os furtos em geral tiveram redução de 8,96%, com 19.664 registros. Em setembro ano passado foram contabilizados 21.599 casos. A soma de ocorrências é a mais baixa desde setembro de 2008.



O interior paulista não teve registros de roubo a banco no mês. Já no mesmo período do ano passado, nove casos tinham sido contabilizados. Para o mês, é a segunda vez que o indiciado fica zerado no interior, desde 2001 - a primeira foi em setembro de 2004.

Também houve queda de 8,99% nos furtos de veículos. O total passou de 3.505 para 3.190, sendo o menor desde setembro de 2008.

Os roubos de veículos caíram 16,41%, passando de 1.371 para 1.146. A soma de registros do indicador é a mais baixa desde setembro de 2008.


As ocorrências de roubo de carga caíram 12,37% em setembro. Os casos do indicador passaram de 186 para 163, com 23 ocorrências a menos.

Produtividade policial

As polícias Civil e Militar do interior realizaram 2.801 flagrantes de tráfico de drogas no mês de setembro, o que significa um aumento de 17,15% em relação ao mesmo mês do ano passado, que teve 2.391 flagrantes.

No mês, houve a apreensão de aproximadamente 13,7 toneladas de drogas nas cidades do interior.

Juntas, as polícias também realizaram 9.540 prisões no nono mês do ano. O total é 2,27% maior que a soma de prisões registrada em setembro do ano passado – 9.328.

Comentários

Últimas notícias

 

Página 1 de 9